(62) 3238-1100 contato@hmap.org.br
Escolha uma Página

Os servidores do Hospital Municipal de Aparecida de Goiânia (HMAP) passaram por um treinamento para todas as etapas das rotinas de exames de alta complexidade e alto custo implantados na unidade. O treinamento foi para colaboradores diretamente envolvidos no processo e também para os de apoio.

De acordo com a enfermeira Lorena Mota, coordenadora do Núcleo Interno de Regulação (NIR) e do Serviço de Apoio Diagnóstico e Terapêutico (SADT) a ação é de grande relevância porque o objetivo é otimizar a prestação de serviços de saúde para a população.

“Com uma equipe de colaboradores bem treinada e em condições de responder com rapidez e eficiência às demandas do HMAP e do complexo regulador de Aparecida de Goiânia vamos garantir redução de custos, maior agilidade e eficiência nesses exames”, explicou.

O programa-piloto, intitulado “Capacita HMAP”, foi a primeira atividade envolvendo os colaboradores da unidade. O programa inclui também o pessoal da higienização, maqueiros, técnicos e enfermeiros. “Todos os que terão contato direto ou indireto com a ressonância e com a tomografia. Muitos profissionais não têm conhecimento com a rotina da ressonância. Isso impõe um cuidado maior em virtude da alta periculosidade e da necessidade de cuidados com pacientes, com uma assistência segura”.

Enfermeira Lorena Mota (Foto: Divulgação)

Na próxima semana serão ministrados mais cursos de capacitação para servidores em outras áreas. Higienização e cuidados com pacientes fazem parte da rotina diária de capacitação para todos os colaboradores.

*Essa é uma matéria originalmente publicada no Portal Sagres Online